Impressão HP

Monitorização contínua

Deteção de intrusões em tempo de execução

Deteta e impede ataques enquanto o dispositivo está em execução e força um reinício para reparar o sistema.

Carregamento da BIOS

HP Sure Start

Durante o reinício, o HP Sure Start deteta e impede a execução de código malicioso e repara automaticamente a BIOS.

Verificação de definições

HP JetAdvantage Security Manager

Esta solução de gestão de segurança do parque verifica e repara as definições de segurança do dispositivo ao reiniciar.

Verificação de firmware

Lista de permissões

Ajuda a assegurar que apenas o código HP autêntico é carregado na memória e irá reiniciar e notificar a equipa de TI se estiver comprometido.

1 A afirmação é baseada numa análise de 2016 da HP, relativa a funcionalidades de segurança das impressoras concorrentes do segmento. Apenas a HP oferece uma combinação de funcionalidades de segurança que consegue monitorizar, detetar e impedir automaticamente um ataque e, posteriormente, autovalidar a integridade do software ao reiniciar o dispositivo. Para consultar uma lista de impressoras, aceda a: www.hp.com/go/PrintersThatProtect. Para saber mais informações, aceda a www.hp.com/go/printersecurityclaims

2. A afirmação "a impressão mais segura" aplica-se a dispositivos HP do segmento empresarial (Enterprise) apresentados em 2015 e baseia-se numa análise da HP das funcionalidades de segurança incorporadas das impressoras concorrentes do mesmo segmento publicada em 2016. Apenas a HP oferece uma combinação de funcionalidades de segurança para a verificação de integridade até ao BIOS com capacidades de autorrecuperação. Poderá ser necessária uma atualização de pacotes de serviços do FutureSmart para ativar as funcionalidades de segurança. Para consultar uma lista de produtos compatíveis, aceda a http://www8.hp.com/h20195/V2/GetDocument.aspx?docname=4AA6-1178ENW. Para saber mais informações, aceda a www.hp.com/go/printersecurityclaims

3 O inquérito realizado a 309 responsáveis pela tomada de decisões das TI nas regiões da América do Norte, Europa, Médio Oriente e África, e Ásia-Pacífico, elaborado pela Spiceworks e encomendado pela HP, apurou que apenas 23% dos inquiridos incluíram a proteção de dados como uma prática de segurança no respetivo parque de impressão. Novembro de 2016

4 A média é baseada em estudos globais realizados pela Ponemon Institute durante as experiências "Visual Hacking Experiment" (2015) e "Global Visual Hacking Experiment" (agosto de 2016).

5 IDC, "Market Analysis Perspective (MAP) on the US Office Print Market 2016" (agosto de 2016).